Blog do escritor Ferréz

RJ no ar

Salve rapa,
ainda estou no Rio, hoje tenho uma palestra na UFRJ, as 19:30.
Fui lá ontem e pude ver o prédio que o Lima Barreto ficou internado, o lugar é grandioso, mas bem antigo, com aqueles tapetes vermelhos e estátuas retratando os vencedores, os "heróis", não cheira a povo de jeito nenhum, mas é bem acessível, fica ao lado do hospital Pinel, que eu prestava serviço quando trabalhava na Oficio. a vida é cheia de ironias.
Estou ficando muito só, afinal não tenho muitas afinidades com ninguém, ontem jantei com o Luiz Rufato e foi legal, altos papos literários, mas na maioria do tempo fico escrevendo meu novo livro, ainda bem que trouxe o not se não tava perdido.
Na praia eu só fui ver o movimento, trombei dois meninos e uma menina tentando derrubar côco verde do pé, com uns côcos secos, era uma jogação danada, no final não caiu nada,então passou um cara vendendo sorvete, ou como eles chamam por aqui, picolé, eu comprei alguns e perguntei se queriam, claro que todos escolheram de côco. os garotos e as meninas tinham um sorriso chapado, estavam voltando da escola, bem diferente da cara de bosta de todo mundo que tá no hotel, ou que agente cruza na rua, ô povo amargo.
bom, ontem eu estava almoçando, estou no Leme, um lugar tido como mais nobre e tranquilo, mas na hora do almoço, cercado de turista por tudo que é lado nas mesas (afinal é difícil ver alguém falando português aqui), ouve uma grande explosão, todos ficaram quietos, eu que num to vacilando, logo me abaixei na cadeira, e em seguida começou a chuva de tiro, num vou mentir, que olhar a gringaiada se jogando no chão, se arrastando foi foda, pura maldade minha, eu fiquei de quebrada só tentando ver de onde partiam os tiros.
muito corre corre depois, um ajudante do restaurante falou que era uma granada que jogaram na polícia, e depois aconteceu o tiroteio.
Esse é o preço dos caras isolarem tanto as favelas, é impressionante como tá tudo dominado pelos gringos, no momento que escrevo isso, tem 8 do meu lado nos outros computadores.
as 7 e meia tem minha palestra, espero que tenha algum brasileiro por lá, embora não ajude muito, porque só falo favelês.
Firme e forte.
FZ

7 comentários:

Samanta Paloma Biotti Neves disse...

Oi Ferrez, sua escrita me remete a Notas de Inverno Sobre Impressões de Verão, um dos livros que li e gostei muito.
A cidade cala, fecha as portas, sobreviventes adoecem na revolta. O Marketing é trocar vidas pelas verdes, explora, solta no ar a prepotência e o orgulhoso do ser humano nojento, oportuno que tranca seus animais indefesos e multiplica corporações de lixo/luxo.

Boa caminhada na sua escrita.

O seu relato com as crianças me deu a idéia pra um conto, valeu!

Muita Paz!

Elenilson Nascimento disse...

Olá negão, como vai. Venho aqui lhe pedir um favor: estou precisando do seu texto "Tenho tudo, sou foda e tô na moda" para postar no meu blog e para que um grupo de alunos do ensino médio façam um trabalho com ele. Vc poderia me enviar?
Um abração
Elenilson
http://literaturaclandestina.blogspot.com/

Elisa Machado disse...

Olá Ferrez,

Será que você ainda está no Rio? Preciso muito falar com você sobre um Encontro de Biblitoecas Comunitárias que estamos organizando. Para começar a discutir essa idéia criamos uma rede "Rede Brasil de Bibliotecas Comunitárias" e tivemos o maior prazer de ver seu crescimento. Quero convidá-lo para entrar na rede e participar com a gente dessa grande empreitada.

http://rbbconexoes.ning.com/

Abs. Elisa Machado - UNIRIO/RJ

Barraco Das Ideias disse...

é mó fita como parece que cada veis mais so a quebrada que tem uns manos fmz ne como diz o rappin hood ali é meu lugar onde me sinto bem um lugar onde sempre serei so mais uma mano um suburbano fmz fica na paz se e que e possivel

Guilhermé disse...

Extremamente decepcionado por não saber antes de sua vinda ao Rio e não ter comparecido na sua palestra. espero não cometer esse erro novamente.
Volte logo.
Abraço.

Guilhermé disse...

Extremamente decepcionado por não saber antes de sua vinda ao Rio e não ter comparecido na sua palestra. espero não cometer esse erro novamente.
Volte logo.
Abraço.

Jéssica Balbino disse...

Quero demais conhecer a nova loja e comprar um exemplar. No Natal estarei em SP e vou chegar lá !
bjão