Blog do escritor Ferréz

Estrutura

Salve
Enquanto alguns reclamam, choram, e tentam até por desespero (ou inveja, sei lá), se auto proclamaram os pais disso e daquilo, agente trabalha muito e reforça a estrutura, gera emprego e faz o que muitos acharam impossível.
Sempre foi assim, e todos sabem que eu nem gosto de reivindicar nada, mas os caras também tem que se tocar, que vieram na bota da gente em um pá de fita, e agora quer dar uma de gênio? até as frases iniciais da 1DASUL foram copiadas na cara dura.
A idelogia, o método de trabalho e até de divulgação e mesmo assim, acredite se quiser, num chega nem perto, sabe porque? por que não entenderam que "Esforço é o nome do Talento" como diz o Pablo.
Num é culpa nossa, talento não se compra na esquina, e tem mais, agente num quer ser dono nem o primeiro de nada não, queremos só trabalhar, gerar renda, e mostrar um pouco da nossa cultura, prometo pra quem quiser, que os títulos vocês podem pegar, eu só quero ver o tiozinho que cata papelão usando meu boné, o cobrador lendo meu livro, ver o motoboy usando meu adesivo, isso me dá prazer, ver o pipa da 1dasul feito pelo moleque que num sabe nem escrever, mas já escreve nosso nome, ver o respeito que a favela tem por algo que é dela, vocês acham que a marca é minha? já não é a muito tempo, é de todo mundo, é capacete grafitado, touca bordada, jaqueta pintada, isso é minha vitória.
Estamos firmes na caminhada, completamos 9 anos de marca, amanhã é nosso aniversário, muitos já colaram, mas agora a casa está firme na rocha.
Para os que tentaram atrasar o corre, ficou a falta de competência para nos destruir, dificilmente eu falo deles, num gosto de remoer nada, mas é bom todos saberem, que nem todos representam na quebrada.
Tamo firmão, comemorando mais um ano de vida, de orgulho, de mudança, e tanto na literatura como na marca, sempre fui uma coisa, verdadeiro.
Quem tiver algo pra falar, faz que nem eu, vai logo e resolve, é assim que tá hoje em dia por aqui, sem muito pá, porque se não é impar.
Ferréz/1dasul


Galpão na Cohab, onde são feitas as estampas da 1dasul.

3 comentários:

MiriamA disse...

Ferrez,

te leio já de longa data e, por isso tomei a liberdade, assim, sem pedir, de "linkar" teu blog no meu orkut. espero que não se importe.

abçs periféricos!

Amanda disse...

Ferréz. Tive a oportunidade de assitir um bate-papo entre você e Paulo Lins no evento Curitiba Literária em 2007.
Eu queria pedir desculpa por fugir do tema do post, mas gostaria de fazer uma pergunta e não achei um e-mail direto.
Qual a sua opinião em relação à postura do Senador Eduardo Suplicy de cantar Rap em programas de T.V. e entrevitas etc.?
Acha que ele é realmente um defensor dos oprimidos ou ele transforma isso em estética???
Manda a letra pra mim, por favor.
Aquele abraço.
Ian.

L.A Guimarães disse...

Ae Ferrez, doidao!
- Queria pedir pra voce, quando aparecer na tv, denovo, leva o apoio da quebrada. Igual uma vez, logo quando saiu o capao pecado, vi voce no programa do Judeu de boca torta, achei muito loko aquela galera tomando de assalto...
Sem palavras.
Correria total.